Início Brasil Gestão de pessoas: veja perfil dos cursos, o que faz e remuneração

Gestão de pessoas: veja perfil dos cursos, o que faz e remuneração

42
0

O profissional que se forma em gestão de pessoas pode atuar em diferentes segmentos da área de recursos humanos: gestão, recrutamento e seleção de equipe, treinamento e desenvolvimento de funcionários e administração de benefícios e salários.

“Antes, trabalhar no RH era algo completamente operacional. Hoje, a função é muito mais estratégica. O profissional passa a ser parceiro das áreas de negócio. É ele que vai selecionar todas as pessoas que trabalharão na empresa e, por isso, precisa estar alinhado com os objetivos dela”, explica Ana Stella Bonciani, coordenadora da área de gestão de pessoas do Senac São Paulo.

O setor de recursos humanos é, portanto, considerado estratégico, porque tem como missão:

  • gerenciar os funcionários
  • saber identificar as habilidades
  • estimular maior produtividade
  • garantir a qualidade de vida dos empregados

“É importante definir políticas que ajudem as pessoas a conciliar a vida profissional com a vida pessoal. As doenças que mais afastam os funcionários do trabalho são as psicossociais”, diz Maria Amália Catalan, professora do curso de gestão de pessoas e RH na Anhembi Morumbi (SP).

“Por isso, o RH precisa fazer pesquisas internas, descobrir as queixas da equipe e definir ações de combate ao estresse, por exemplo, como convênios com academia ou um dia de home office. Isso é interessante até mesmo do lado econômico. Uma empresa precisa pagar ao funcionário afastado por burnout (esgotamento mental)”, complementa.

Onde é possível trabalhar?

Qualquer empresa precisa de um setor de recursos humanos que vá cuidar da remuneração e dos benefícios dos funcionários, do treinamento da equipe e do recrutamento do time. Isso independe do porte da companhia.

“Em pequenas empresas ou startups, por exemplo, o gestor de pessoas é contratado como generalista. Como a equipe é pequena, ele vai precisar entender de todas as tarefas do RH”, explica Maria Amália.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here